Tenista alemão tira selfie com iguana que interrompeu seu jogo em Miami

Por DANIEL CASTRO

Era para ser um jogo normal de primeira rodada no Masters 1.000 de Miami. A partida entre Tommy Haas e Jiri Vesely estava empata em 3 a 3 no terceiro set quando foi interrompida, não por chuva ou atendimento médico, mas porque uma iguana resolveu entrar em quadra.

Mais do que isso, ela não quis sair. Deitou-se sobre o placar e por lá ficou. Funcionários do torneio tentaram afastá-la com uma toalha, mas o réptil se recusava a perder a posição de espectador privilegiado.

O árbitro do confronto desceu da cadeira pediu que os jogadores continuassem o duelo, já que o animal não seria perigoso, mas Vesely se negou. “Não consigo me concentrar”, justificou.

Haas, então, aproveitou o momento para tirar uma selfie com a visitante. Aos 38 anos, o tenista alemão e diretor do Masters 1.000 de Indian Wells faz provavelmente sua última temporada como profissional.

“Foi divertido. Pensei que era uma foto interessante para tirar. Não acho que isso vá acontecer novamente, para ser honesto, especialmente na minha carreira, porque ela está quase acabando”, disse.

Antes de finalmente ser retirada, a iguana ainda deu uma volta pela quadra, sob incentivo da torcida.

Não há informações sobre o estado de saúde do animal, mas é provável que passe bem, afinal Miami acaba de ganhar uma mascote bastante simpática.